No Orkut, diversos profiles já alertam – “Se for add, deixa scrap!” – e mesmo assim as pessoas clicam no add antes sequer de ler a mensagem. Isso já acontecia nos tempos do fotolog, vem acontecendo no facebook e ultimamente o twitter é a bola da vez. Mas afinal de contas, você segue todo mundo que te segue?

twitter na vida real
E ai, me siga que eu te sigo, ok? – Crédito: HubSpot

Talvez algumas pessoas ainda não tenham entendido isso. A reciprocidade não é uma das qualidades desejáveis em nenhuma rede social. A princípio, as pessoas tem em mente a mesma coisa – se relacionar – quando entram no twitter ou no orkut. Mas ninguém tem obrigação moral alguma de retribuir seguindo alguém que começou a lhe seguir por livre e espontânea vontade.

Explicando melhor: Se alguém que você passou a seguir não te seguir de volta, senta e chora. Na verdade, se você esperava essa reciprocidade, é melhor antes de qualquer coisa repensar sobre se você devia ou não ter uma conta num site como esse. A base dos relacionamentos no twitter, por exemplo, deve ser “seguir alguém que seja/tenha algo interessante” e não “olha que foda, eu sigo a pessoa e ela nem me segue de volta”. Nem todo mundo tem mais alegria para seguir um twitter que só tem links de atualizações de blogs, por exemplo, ou qualquer um dos citados na lista do graveheart. Obviamente, isso também vale para aqueles twitters corporativos que ninguém quer seguir.

Pergunta bônus – Você lembra qual foi a primeira mensagem que você deixou no twitter? Se você tem menos de 3200 tweets, da pra conferir aqui no My First Tweet.

Related Posts with Thumbnails
Se gostou compartilhe!

Postagem feita no dia 16 de dezembro de 2008 às 16:34 e arquivada na(s) categoria(s) Blogsfera. Você pode acompanhar os comentários usando RSS 2.0 .
Você pode deixar um comentário ou um trackback do seu site/blog.



Algo a dizer?

1. Diga o que quiser, você é totalmente responsável pelos seus comentários;
2. Não ofenda as pessoas, não use palavras de baixo calão;
3. Não seja desagradável;
4. Tenha em mente que o conteúdo desse blog é humorístico e/ou irreal;
5. Assim que sair, dê um sorriso;