Era uma quarta-feira ensolarada, o dia estava mais quente que os demais daquela semana. A ida até o centro naquele começo de tarde seria desgastante, mas era extremamente necessário ao jovem herói. Afinal de contas, ele precisava confabular com seus comparsas os próximos passos da manjada empreitada, em busca de audiência. A guerra fazia suas vitímas e, naquela tarde, faria mais uma. Galopando em seu alazão, nosso jovem sequer tomava conhecimento da distância e curtia uma leve brisa que cortava vinda do noroeste. E sem mais delongas, o jovem herói chega a seu destino. Comparsas sentados, discussão rolando, plano definido. Entre pestanejos e exclamações heroicas, nosso jovem troca olhares com a belíssima xerife. Loira, esbelta, misteriosa. Imóvel. Naquele flerte incontrolável, estaria aquilo que arruinaria sua vida para sempre. E numa manobra ousada, aproximou-se para uma inválida tentativa de aconchego. Sem hesitar, tomou-a em seus braços e realizou seu desejo, ali mesmo, na frente de todos. Mal sabia ele que ela era filha única, impossibilitando aos demais comparsas desfrutarem de tamanho sabor e refrescância. A cerveja do condado havia terminado naquela, que era a última garrafa de tal líquido tão precioso. E eles precisavam fazer algo. Assim, segue foto do local minutos depois do incidente narrado acima.

revolução da cerveja

Nascia ali a Primeira Revolução da Cerveja, liderada por Sir Doul Seven, nobre cavaleiro da Távola de Cariocas’ville. Em breve relatos dos árduos combates.

Related Posts with Thumbnails
Se gostou compartilhe!

Postagem feita no dia 29 de outubro de 2008 às 8:09 e arquivada na(s) categoria(s) Blogsfera. Você pode acompanhar os comentários usando RSS 2.0 .
Você pode deixar um comentário ou um trackback do seu site/blog.



2 Comentários ;) para “Protesto: We want beer!”

  1. Leonardo on outubro 31st, 2008 at 6:41

    We Want Vodka =D

  2. Rafael R on junho 16th, 2009 at 14:12

    @MarzViniz http://bit.ly/16hA7W
    veja aqui o relato desse dia que eu fiz mano

Algo a dizer?

1. Diga o que quiser, você é totalmente responsável pelos seus comentários;
2. Não ofenda as pessoas, não use palavras de baixo calão;
3. Não seja desagradável;
4. Tenha em mente que o conteúdo desse blog é humorístico e/ou irreal;
5. Assim que sair, dê um sorriso;