Archive for Abril, 2009

Festa Infinita – O entorpecente mundo das raves

Posted on Abril 22nd, 2009 by Rafael R

Festa InfinitaEnfim, terminei de ler o livro Festa Infinita, o entorpecente mundo das raves. E preciso confessar que nas primeiras 20 páginas dele eu achei que leria algo sensacionalista. Mas com a continuação da leitura, pude perceber algo que não há como ir contra: as experiências são baseadas na vivência de todo o ambiente que cerca a cena e em tudo aquilo que se pode ver, ler e sentir estando próximo o suficiente e antenado para com os detalhes, e portanto, chegaria bastante próximo da realidade. Ao menos da realidade brasileira sobre o tema. Ter percebido que o autor – Tomás Chiaverini – resolveu participar de perto das festas ja garante no mínimo que aquelas lendas e boatos que se houve por aqui e por ali estariam definitivamente fora do texto, e isso ficou comprovado ao terminar a leitura. Embora eu tenha uma visão um pouco mais ‘romântica’ em relação a tudo que gira em torno de uma rave, o livro não me decepcionou. Entrevistas, bastidores, experiências e dados sobre o início da coisa toda garantem ainda um prato cheio para aqueles que, da mesma forma que eu, gostam bastante de tudo o que envolve esse mundo paralelo.  Se você gosta do assunto ou quer descobrir mais sobre esse universo, esse livro sem dúvidas foi escrito para você. Recomendo a leitura. Sem dúvidas, depois dessa leitura, posso dizer: to motivado para voltar a falar sobre a cena sob a perspectiva mais romântica que possuo, onde os detalhes não importam muito e o que vale é você viver uma experiência plena. Qualquer hora apareço aqui e volto a falar sobre isso, por agora fica a recomendação e a certeza de que quem se aventurar nessas páginas não irá se arrepender.

Fica a dica. 

Festa Infinita – O entorpecente mundo das raves
Autor: Tomás Chiaverini
Editora: Ediouro

Projeto Alfa

Posted on Abril 22nd, 2009 by Rafael R

projeto alfa

Projeto Alfa 

E é tudo o que posso dizer sobre isso até o momento.

Como eu consegui ser o seguidor 1.000.000 do Ashton Kutcher

Posted on Abril 17th, 2009 by Rafael R

No começo eu não tava tão interessado, mas quando foi chegando perto confesso que meu espírito competitivo falou mais alto. Afinal de contas, se o desafio @aplusk vs @cnnbrk era o assunto do dia em diversos lugares, eu teria que participar nem que fosse pela zueira. E agora eu vou, depois do meu enorme sucesso em conseguir o que queria, vou dividir com vocês os passos que me levaram a vitória. Abaixo narrarei todos os passos que fizeram com que eu conseguisse ser o seguidor de número 1 milhão do Ashton Kutcher na noite de hoje. Acompanhem, se tiverem interesse.

1. Tudo começou quando eu lia o Inside Techno e me deparei com um post que tratava do assunto (A corrida para o primeiro usuário com 1 milhão de followers no twitter). Eu sou curioso por natureza e gosto de acompanhar as novidades, mas num primeiro momento, sem explicação, aquilo não me chamou tanto a atenção. Mas hoje, vendo bem, entendo que sem dúvidas foram aquelas palavras que acenderam o estopim. Existia uma corrida “oficial” por um número que estava próximo e envolvia um ator dos EUA e uma rede de TV mundial. As apostas logo começaram a ser feitas. Tudo isso se passou na quarta-feira, dia 16. 

2. Depois da chuva de tweets e re-tweets sobre o Lula fazendo uma aparição no South Park, a coisa ficou mais mansa no twitter. Com o cair da noite, pouca coisa mudou. Enquanto eu curtia um bate papo sem pretensões no streaming do Gravz, alguém jogou por lá que faltavam pouco mais de 3000 seguidores pro Ashton cravar o 1 milhão de seguidores, e eu cliquei pra dar uma olhada despretenciosa. Embora pra mim não quisesse dizer nada, lembrei das palavras do Inside Techno – “o milionésimo seguidor de @aplusk (Ashton Kutcher) ganhará uma cópia de todos os jogos feitos pela EA em 2009 e aparecerá em The Sims 3” – e só conseguia lembrar do GANHAR. Eu sabia que ganharia algo, então poderia ser recompensado pelo esforço desprendido.

3. Cheio de incentivo, fui acompanhando o streaming ao vivo narrando os últimos minutos antes de ser quebrada aquela barreira. Confesso que uma das motivações para isso foi ver a Demi Moore em trajes normais, na torcida pelo seu marido. (Demi, um beijo! ;* hohoho) Quando faltavam menos de 300 para completar 1 milhão, a concentração era total.

4. Como existem coisas que falando ninguém entende, seguem dois print screens do momento, que tirei pensando em algo do tipo “Que merda, perdi 12 minutos da minha vida pra nada!”. Mas eu estava errado, dessa vez.

@aplusk vs @cnnbrk

@aplusk vs @cnnbrk

5. Sem mais.

( * ) Agradecimentos ao Renê Fraga, sempre parceiro nas empreitadas.

A evolução nas festas das crianças

Posted on Abril 16th, 2009 by Rafael R

Muito se falou nessas últimas semanas sobre a festinha na escola da Venezuela, onde algumas crianças dançavam de forma caliente ao som de uma música qualquer. Evidente que se passou em outro país com outra cultura e outros costumes, mas o negócio provocou algumas reações exageradas por parte de alguns que viram tudo. Evidente que no Brasil, assim como em outros lugares do mundo, as crianças estão cada vez mais cedo expostas a estímulos e sensações pelas quais nós não enfrentávamos quando tinhamos a idade delas. É o preço pelo fácil acesso a qualquer tipo de informação, eu diria. Você pode encontrar tanto coisa boa como coisa ruim com extrema facilidade, bastando acessar o google, youtube ou até mesmo o orkut. Para que alguns pais fiquem mais tranquilos, resolvi publicar o vídeo abaixo mostrando uma festa no Brasil e o comportamento das crianças nela. Veja abaixo:


Swing. Alguém ai lembrou de Madagascar?

A salvação, sem dúvidas, é a música eletrônica.
E para momentos de aflição, medo ou ansiedade descontrolada, recomendo o Psicodelia. Partiu?

“Uma quinta-feira”, com Snoop Dog

Posted on Abril 10th, 2009 by Rafael R

Embora não seja comum, hoje tivemos um momento ao mesmo tempo inusitado e rotineiro para o nosso protagonista. Snoop Dog, através de seu twitter (@snoopdogg), convidava as pessoas para assistirem seu streaming (snoop-dogg-live). Iniciativa bacana, diriam os entusiastas das mídias sociais. Um artista conhecido mundialmente abriu as portas da sua casa para a web, sem censuras, enquanto uma quinta-feira comum se encaminhava para o fim. Para facilitar o entendimento, veja as imagens abaixos, tiradas no momento em que tudo acontecia.

Snoop Dogg

Snoop Dogg

Snoop Dogg

Snoop Dogg

Afinal de contas, o que mais poderiamos esperar dele

( * ) Uma galerinha acompanhou quando eu alertei no twitter, alguns deram retweet e muitos se divertiram ao vivo. Eu se fosse você daria follow aqui.

( ** ) As transmissões continuam, caso queira acompanhar ainda.