Archive for outubro, 2008

Ok, o Orkut acabou. O que podemos fazer agora?

Posted on outubro 26th, 2008 by Rafael R

Enfim, o Orkut, site de relacionamentos onde 11 de 9 internautas brasileiros possuem ou possuiram perfil nos últimos anos, acabou. Foi uma decisão polêmica e arbitrária de alguém que, em momento algum, pensou no que fazer com os “filhos de Orkut”, aquela legião de jovens que encontravam naquelas comunidades apoio, carinho, atenção, cuidados. Como 99,72% dos usuários do site sequer sabe o que é programação e o restante não teria saco / disposição / motivação para fazer um novo, é necessário pensar em distrações alternativas para esses mais de 10 milhões de Brasileiros sem um lar. E é exatamente o que sugiro a seguir.

Top 5 – Coisas para se fazer agora que o Orkut acabou!

5. Suicídio. 

Embora eu não recomende, a idéia pode parecer promissora para muitos(as) que têm no site um ideal de vida. Aqueles jovens que vivem de scraps, comentários em comunidades e status adiquirido no álbum de fotos não terão como substituir tamanha atenção. Mesmo que o myspace não tenha limite de amigos, que o facebook tenha inspirado o orkut a abrir a api para programadores jogarem suas tralhas lá, como o Budy Poke, nada substituirá o pioneirismo do orkut.

4. Escreva um livro.

Se você é daqueles que tem diversas histórias envolvendo o site de relacionamentos, escreva um livro com suas memórias. Imagina o hype: é o Fim do Orkut, as pessoas estão saudosas e incrédulas, um livro pode ser uma opção adequada. Se você tiver diversos print screens então, best seller. Se você tinha alguma comunidade com mais de 100 mil pessoas então, Bruna Surfistinha será retirada da academia brasileira de letras para que você a substitua por lá.

3. Crie um blog.

O princípio de escrever num blog pode passar perto do de responder tópicos freneticamente. Se você tinha prazer em dar diversos F5’s durante o dia vendo se aquele tópico na comunidade “Eu odeio quem odeia cachorro” só para dar respostas bem elaboradas e a altura da pessoa que você estava enfrentando, um blog pode ser definitivamente o caminho a seguir. Sorria e aperte o “publicar”, e aguarde os comentários que poderão gerar discussões inteligentes, ou não.

2. Vire fotógrafo.

Se além do orkut, você tinha o costume de frequentar o fotolog ou o flickr, a fotografia é sem dúvidas algo familiar a você. A invasão nos últimos meses de pseudo-fotógrafos no flickr, com seus experimentos bizarros tanto em fotografia quanto em edição, mostram que as pessoas aceitam basicamente qualquer coisa por lá. Não estude nada, apenas aprenda os termos da moda como Dof, Composição e Contraste.

1. Venda seu computador e volte a vida offline.

Se você é daqueles que passavam horas e horas no Orkut, no mais puro ócio, atacando pessoas que não entendiam que “Chocolate é tudo de bom” ou que seu time é o melhor do mundo porque tem 1494 copas do bairro onde foi fundado, você deve ter perdido momentos importantes na história do mundo. Como seu computador certamente não serve para mais nada se não acessar o Orkut, vende-lo pode ser uma idéia a ser considerada. Além de lucrar uns 200, 300 reais (pois aquele vírus que veio no email falando das fotos da festa detonaram a máquina) você pode descobrir que o céu continua azul, que as praças da sua cidade continuam verdes e que as pessoas conseguem viver sem scraps.

Veja outras coisas que você pode fazer no umtudo.com e seja feliz.

Novidades do psytrance direto do youtube!

Posted on outubro 26th, 2008 by Rafael R

Ok, vou confessar um hábito meu aqui, publicamente. Eu tenho mania de navegar pelo redtube youtube atrás de músicas, e vou fazendo alguns playlists por lá. É assim que eu ouço música hoje em dia, na maioria das vezes. Antigamente, era divertido esperar horas (dias?) para poder enfim descobrir aquele CD novo da banda que você tanto gosta. Mas como minha preferência é por música eletrônica, e eu também não fico preso a um único estilo, isso é praticamente inviável. Uma porque a era do vinil (seguida de perto pela era do CD) nos ensinou que nem sempre o álbum inteiro do artista é legal. Logo, não vale baixar tudo “na sorte”, pra descobrir somente depois que uma música só não salva o artista. Outra porque o número de gente produzindo música eletrônica hoje em dia é 10, 20 vezes maior do que antigamente. A praticidade da ferramenta me pegou nessa.

Enfim, existem diversas formas de buscar novidades da música no youtube. A primeira e nem sempre eficaz é digitar o nome do estilo no campo de busca. Pelas tags adicionadas no vídeo pelo (provavel) autor, você encontra alguma coisa. Spammers também sabem disso e podem usar as tags. O truque é, literalmente, garimpar o que serve e o que não serve. Em muitos casos, a coisa funciona. Na busca desse sábado, encontrei 5 vídeos novos, subidos pro youtube na última semana. Que tal descobrirmos o que vale a pena aqui e o que não vale?

Fromem Ory – World Without Walls (Rinkadink Rmx)

Sun Control Species – Daydreamers (Remix)

Lost & Found Vs Rabdom L – Ultimatum

Illegal Machines – Honey Flavour

Profile 21 – 4 Little Kittens

Se você deu play em todas as tracks acima, vai ver que Profile 21 é um dark trance bem trampado. Lost & Found vs Rabdon L é a mais promissora, provavelmente. Dessa vez, a colheita talvez não tenha sido tão proveitosa. Amanhã farei uma nova busca de outra vertente eletrônica e volto aqui pra compartilhar.

Alegria em demasia

Posted on outubro 24th, 2008 by Rafael R

bad trip

E definitivamente, procure a caixa direita. Somente lá você encontrará psicodelia e good vibes.

Kra Kra Kra – Tem coisas que só o HBD salva!

Posted on outubro 24th, 2008 by Rafael R

Falsos nerds as vezes acertam em cheio. Onde mais, jovens, eu encontraria acesso a tamanha imbecilidade humana?

homens de bem - semeadores da discórdia

Já é incrivelmente bizarro alguém tentar explicar de forma pouco precisa comportamentos oriundos do orkut, pois isso demandaria muito tempo ocioso e pouca capacidade social para com o elaborador da listagem. Isso em casos fora do mundo corporativo, obviamente. Afinal de contas, porque ser um especialista de alguma coisa se você sequer ganha dinheiro com isso? Apenas diversão é argumento para fracos. Nem quando eu tive que deletar meu orkut tempos atrás, por diversas retaliações sofridas, eu imaginava tamanha organização e seriedade.

Aliás, nem perca tempo aqui. Dirija-se ao post do Quide e entenda quando o comportamento bizarro de seres sem vida social ultrapassa os limites do bom senso. E divirta-se. Fica como dica da sexta-feira.

Kra kra kra!

Teste: Descubra se você é gay!

Posted on outubro 24th, 2008 by Rafael R

teste: você é gay? mac vs pc

Se você discorda, opine a respeito. Isso é um teste!