Archive for Março, 2008

Vagas para moças: inclusive sem calcinha!

Posted on Março 12th, 2008 by Rafael R

Ok, o título é uma tentativa pífia de chamar um pouco mais a atenção dos buscadores. Mas vamos aos fatos:

1. Você é um sujeito/uma garota que se julga com potencial criativo, tem vasto conhecimento de atualidades, sabe como elaborar uma piada, sabe como escrever um belo texto, ou manja de photoshop para fazer piadinhas e montagens;
2. Você é um sujeito/uma garota que até acredita ter muitos amigos, se para o “muitos” o que se quer dizer são 12, sendo 4 deles imaginários, 2 moradores do acre, 1 marciano, 3 que você não sabe sequer o nome tampouco onde mora, e os outros 2 você conhece apenas por internet;
3. Você é um sujeito/uma garota que já participou de algum concurso, seja ele de qual cunho for, seja solidário ou não, seja aspirando um prêmio ou apenas querendo ajudar, mas deu com os burros n’agua pois além de não ganhar, você viu que quem ganhou talvez não fosse digno de verdade do prêmio;

Eu tenho uma boa notícia para você então: EU SEI ONDE FICA O SEU LUGAR AO SOL!

O blog Rejeitados, na pessoa do Eric, está recrutando novos coleguinhas. É claro que se você nasceu mulher, tem mais de 18 anos, seios fartos, belo sorriso e AINDA ASSIM se encaixou na descrição acima, você terá muito mais chance de se dar bem rapidamente por lá. (Talvez até por aqui, se quiser deixar um oi antes!)

Não sabe o que é um blog[bb]? Não acha que, no final das contas, você tem potencial mesmo? Não acha que tentar não custa nada, reiterando o item 3 das qualidades necessárias? Eu de você tentaria a sorte. Afinal, a sorte dos integrantes do Rejeitados mudou na medida que eles se fuderam se deram mal em um concurso do qual participaram, onde acabaram se conhecendo.

E se você for homem, veio de um buscador procurando por Vagas para Moças, Moças sem calcinha, Mulheres sensuais ou algo do tipo, vai uma foto pra ajudar na sua rotina diária pela internet. E faça o favor, chega de procurar por mulheres nuas e sem calcinha por ai, viu? (Quer dizer, se quiser continuar, continue né!)


A tarja existe por respeito ao público feminino daqui! :)

Segredo: Cansei de Ser Sexy revelado!

Posted on Março 7th, 2008 by Rafael R

Se você vive em Marte, não continue a leitura desse post.

Se você é um internauta/blogueiro/tem acesso a internet, deve saber que os últimos comentários da internet dão conta que um clipe do Cansei de Ser Sexy (CSS) bateu o primeiro colocado no ranking do youtube, nessa última semana. Porém, muitos tiveram um pé atrás, um certo receio em entender o fenômeno. Alguns procuraram explicações lógicas e tecnológicas, outros apenas entraram no barco e sairam divulgando ainda mais o clipe e a banda, e uns poucos tiveram alguma preocupação em correr atrás dos fatos de verdade.

Assim que eu soube que o vídeo já não constava mais no ranking do youtube (vide meu tweet aqui!), eu fui atrás pra tentar entender o que quer que tivesse acontecido. E realmente, eu descobri o segredo do sucesso repentino da banda Brasileira.

 

Achei esse vídeo no youtube, da mesma música do clipe em referência. Um show em Glastonbury (seja lá onde for isso) com cartazes do Greenpeace e um figurino extrovertido da Love Foxxx. Até ai, nada demais você deve pensar, certo? Certo. O problema é que eu fui analisar os comentários, afinal de contas, eles sempre revelam dados de bastidores. Foi ai que eu percebi o sucesso da banda: Adivinha quem estava com os longos cabelos a balançar no show, envolvido com a letra profunda de “Music is my hot hot sex” e sem se importar de ser visto por câmeras e lentes do mundo inteiro?

Exatamente. Jesus Cristo, que desceu dos céus, estava curtindo o belo momento, na maior “vibe” com a “galerinha mente aberta” que habitualmente curtem os shows do CSS. Se até Ele curte CSS, não há motivos no mundo para que você também não curta, certo?

E, pensando melhor, agora eu até entendo a ligação da Love Foxxx com o Senhor: no trecho “Ele é fodão, mas eu sei que sou também” que ecoa no final da música, qual a única e clara relação que temos para entender essas palavras? Exatamente, sei que você também sacou a sutileza. Inclusive, o Mauo do Suspensa.info, que é super fã da banda, provavelmente estava nesse show. Contactarei o mesmo para me informar sobre isso.

Eu nunca vou te abandonar!

Posted on Março 4th, 2008 by Rafael R

Ok, apesar de corinthiano, maloqueiro e sofredor, antes de tudo eu sou uma pessoa. Como qualidade, e meu pai me ensinou desde cedo isso, eu tenho que entender que a piada faz parte de qualquer cotidiano. No Brasil, principalmente. Tudo vira piada, que o digam o Casseta & Planeta e outros do ramo.

É indiscutível o poder de uma piada. Se você se deixa abalar, você acaba ficando nervoso, provoca confusões, intrigas. O jeito certo de contornar isso é continuar a vida e ter em mente que se hoje você ta chorando, amanhã será um novo dia. É assim, foi assim e sempre será assim. Poderia incluir aqui, inclusive, dois manifestos de corinthianos publicados na internet para endossar o quanto me identifico com a nação corinthiana, o quanto eu também sou apaixonado pelo clube, o quanto de valor isso tem em minha vida. Mas hoje, e somente hoje, sou obrigado a concordar: Brasileiro SEMPRE dá um jeito pra tudo.

Explico: Com a campanha do Campeonato Brasileiro do ano de 2007, culminando no rebaixamento do time do Corinthians para a segunda divisão, surgiu um lado bom em ser corinthiano. O orgulho que cada torcedor exibia em frente as infindáveis piadas, a vontade crescente de ajudar o time, uma diretoria nova com (real) visão de negócios e capaz de, finalmente, empurrar o clube adiante com propostas de marketing interessantes. A maior delas, acredito, tenha sido a confecção e venda de um grito das arquibancadas que faziam com que os Corinthianos colocassem pra fora o orgulho de serem corinthianos – a frase já célebre “Eu nunca vou te abandonar, porque eu te amo! Eu sou Corinthians! – e com isso, mostrar ao mundo que o potencial e o amor corinthianos não tem limites. Sobre a campanha, basta acompanhar na mídia, que amplamente discute o assunto publicamente.

Mas o revés também veio: hoje, sem saber, fui descobrir uma novidade de outras torcidas em relação ao Corinthians, que me surpreendeu. Realmente, Brasileiro acaba sempre lucrando com tudo o que pode, o “jeitinho” Brasileiro sempre vai prevalecer. Ja acessou a url http://eununcavoudeixarderir.com esses dias?

O website “Eu nunca vou deixar de rir” comercializa camisetas com 3 clubes paulistas com os dizeres: “Eu nunca vou deixar de rir, porque foi hilário. Eu sou (outro time)!”. Apesar da zoação gratuita e da pseudo-propaganda que fiz do “gênio” que botou tal site no ar, eu só acho que realmente brincar com a paixão dos outros é algo que se deve ter cuidado. Enquanto num buteco, tomando uma cerveja e conversando, você pode e deve tirar uma onda com a cara dos seus amigos e conhecidos, você não deve usar isso para ganhar dinheiro na internet, onde você e unica e exclusivamente você estará faturando alguns caraminguas. Ou será que é perfeitamente possível e aceitável tal fato?

Até onde vai o limite capitalista de achar que tudo gira em torno do dinheiro?