Archive for novembro, 2007

Zac Efron no High School Musical 3

Posted on novembro 29th, 2007 by Rafael R

É notícia no Entertainment Weekly: Zac Efron, o jovem galã que estrelou High School Musical, acaba de assinar um contrato no valor de US$ 3.000.000,00 (3 Milhões de Dóllares) para dar vida nas telas novamente ao Roy Bolton. É uma notícia boa para as fãs do rapaz, que diz estar pronto para mais uma maratona de gravações.

Zachary David Alexander Efron (18 de Outubro de 1987, San Luis ObispoCalifornia), mais conhecido como Zac Efron, é o actor principal dos filmes High School Musical e High School Musical 2, também conhecido pelas suas participações em séries do Disney Channel e pela série Summerland.

Zac Efron nasceu no dia 18 de Outubro de 1987, em San Luís Obispo, Califórnia. Criado perto de Arroyo Grande, foi com 11 anos que deu os primeiros passos na sua carreia, quando os pais se aperceberam da sua habilidade para cantar. As lições de canto cedo lhe deram um papel em Gypsy. Foi então que fez a sua estreia no teatro, com Peter Pan. A esta peça seguiram-se Mame, The Little Shop of Horrors e The Music Man. Depois da aprição em palco, seguiram-se rapidamente participações em séries de TV, incluindo Firefly, ER e The Guardian. Depois de fazer várias participações especiais na série Summerland ,Zac ganhou um personagem regular na série chamado Cameron Bale, um pinga-amor. Efron também participu em episódios pilotos de séries como The Big, Wide World of Carl Laemke e Triple Play e The Suite Life of Zac and Cody. Recentemente participou como criança autista no filme televisivo «Miracle Run», juntamente com Mary-Louise Parker and Aidan Quinn.

Em 2006 e 2007, gravou a 1ª e 2ª do mega sucesso para adolescentes High School Musical, respectivamente. Foi ainda protagonista da adaptação ao cinema de Hairspray, contando com a participação de John Travolta.

Fonte: Wikipédia

Veja abaixo fotos do Zac Efron, para matar a curiosidade caso você não saiba de quem eu estou falando, e para você que conhece se deleitar com a imagem do rapaz, que dizem, arrebata corações por onde aparece.


Marcelinho Carioca e sua crítica!

Posted on novembro 28th, 2007 by Rafael R

É sabido que qualquer torcedor de futebol tem um time do coração. Muitos, no Brasil, escolhem o corinthians. É um sentimento complexo, um misto de amor e ódio, algo que raramente consegue ser explicado com palavras. Porém, algo que pode ser transcrito é uma resposta à quem critica a instituição. O Poderoso Timão é algo que não pode ser explicado, e dificilmente alguém que não tenha sentido tal emoção entenderia.

Assim como um time do coração, cada torcida tem ídolos. São atletas que em determinado momento de sua carreira mostraram afinidade e união, deram raça e conquistaram seu lugar junto a um seleto grupo de nomes, serão lembrados para sempre. Infelizmente, alguns desses atletas, com o passar do tempo, parecem se esquecer da importância dos momentos vividos e de toda a glória, quando passam a, de alguma forma, criticar o que para o torcedor é o mais sagrado: a instituição. O personagem da vez é Marcelinho Carioca, ex jogador do Corinthians, que deixou na fiel torcida um gosto amargo. Ao ser questionado sobre os títulos conquistados pelo Corinthians (No caso, o Mundial no ano 2000 e o Campeonato Brasileiro de 2005), Marcelinho reagiu de forma bastante desrespeitosa em relação ao Corinthians, minimizando a trajetória do título Mundial e desmerecendo a conquista legítima (até o presente momento) do Campeonato Brasileiro. A publicação de comentários do jogador no Lance receberá uma carta-resposta, que provavelmente será publicada no Lance!, e que segue na íntegra abaixo:

——

Uma bofetada na cara da Fiel

Prezado Marcelo,

Alguns homens entram para o panteão da glória das instituições por seus feitos;
outros, pelo que dizem. Alguns, pelos dois motivos.

É certo que a imensa nação corinthiana reconhece a contribuição do atleta
Marcelinho Carioca em diversas conquistas históricas. São nada mais que dez
títulos nos quais tiveste participação fundamental.

Também se reconhece que nem sempre o clube tem tratado adequadamente
de seus ídolos. Entristece o corinthiano saber do que se passou com Basílio e
Wladimir, entre outros heróis da família alvinegra.

O corinthiano que acompanha a trajetória de nosso “onze”, fiel na vitória e na
derrota, tem eterna gratidão por suas demonstrações de talento e valentia
dentro das quatro linhas.

Essas virtudes, entretanto, não o credenciam a mangar de nossas tradições
e a exceder-se no ressentimento. Suas declarações ao jornal Lance desta
quarta-feira, 28 de Novembro de 2.007, constituem-se numa verdadeira
antologia de estultices, verdadeiro insulto à nação que te acolheu e mimou.

Desvalorizar um torneio da FIFA, do qual participaram as melhores esquadras
do mundo, é espantoso. Ao contrário da disputa Intercontinental, o certame
opôs os grandes de cada continente. E o Brasil esteve representado
legitimamente por seu campeão nacional.

No caso de 2.005, sabe-se qual era o melhor time do Campeonato Brasileiro.
E aqueles de olhos abertos sabem que as arbitragens o prejudicaram
inúmeras vezes, ao passo que o Internacional ganhou dos árbitros toda
a complacência. Basta que revejas o gol em impedimento do Goiás, na
última pugna.

Ao cuspir no prato em que comeste, Marcelo, entras para a galeria dos que
traíram seu próprio povo e dos que destilaram pela boca o veneno do
rancor e do desprezo.

Fizeste o jogo da imprensa pusilânime e cheia de iniqüidade à qual
aparentemente procura agregar-se.

Obrigado por tudo. Mas será que a Fiel lhe dará a outra face?

Giulio Calábria”
(Retirada da comunidade do Corinthians, no Orkut)

E agora, será que Marcelinho Carioca vai querer dizer algo mais, depois disso? Aquela relação de amor e ódio que eu citei, no começo do texto, tem muita valia nesse instante, e você esta na linha tênue que separa ambos. Creio que o momento seja de retirar o que disse e tratar de forma mais respeitosa ambos os títulos, ou então insistir nas afirmações e ai sim, com certeza, ser retirado da galeria de ídolos do Corinthians, mesmo que em grande parte de conquistas do time, você estivesse presente. O despreso nesse caso lhe cairia muito bem.

Bug no WordPress: Estamos seguros?

Posted on novembro 26th, 2007 by Rafael R

No dia 11 de novembro, Steven J. Murdoch reportou a uma lista de vulnerabilidades a sua descoberta: é possível conseguir acesso de administrador em sites que disponham o wordpress, alterando os valores de um cookie. O comunicado na íntegra pode ser visto aqui, e basicamente ele torna público um bug grande no wordpress. Para que você entenda, é possível conseguir acesso de administrador em QUALQUER blog que use wordpress, se você entender a filosofia do Bug. Afeta das versões 1.5 até a 2.3.1 (atual) e ainda não conta com qualquer patch de segurança por parte da equipe de desenvolvedores do wordpress.com, até o momento.

Segue a introdução do comunicado:

Com acesso “Apenas-Leitura” no banco de dados do wordpress, é possível gerar um cookie com acesso garantido a qualquer conta do wordpress.com, sem que seja necessário um ataque de força bruta. Basta que para isso você faça um ataque “SQL injection” (injeção de dados no SQL) para ter acesso garantido como administrador. Esta vulnerabilidade está pronta para ser utilizada após a publicação desse aviso.

(…)

É uma coisa estranha, saber que o wordpress tem um erro de programação desse tamanho. Incluindo aqui a versão atual. Se quiser saber como explorar a falha, basta fazer a leitura completa do comunicado. Lembrando que, em qualquer hipótese, você só deve usar o que aprendeu com fins educativos e nunca deve sair por ai roubando um monte de blogs.

Esperamos uma atitude rápida da equipe de desenvolvedores para que seja sanado esse problema grave.

Google indexa comunidade do orkut!

Posted on novembro 26th, 2007 by Rafael R

Ta ai o que uma mente fértil pode nos ensinar: apesar do arquivo robots.txt do google incluir a página community.aspx nos seus registros (nota: o arquivo robots.txt de um site indica aos robôs dos buscadores, responsáveis por indexar o conteúdo e exibi-los nas buscas, o que não deve ser indexado), numa busca por “O senhor é um FANFARRÃO, xerife!” tem como resultado uma comunidade no orkut com o mesmo nome. (O Senhor é um Fanfarrão Xerife)

É bem possível que em alguns dias esse marketing improvável seja corrigido pela equipe do google. Mas já é um indício de que o erro existe, e pode ser aproveitado. Ao menos por enquanto. É o filme Tropa de Elite nos mostrando que quando se trata de hype, o melhor é que mexa INCLUSIVE com o pai das respostas. Seria uma espécie de google-bomb? Ou alguma estratégia nova e (ainda) inédita? Quem souber pode dizer o que sabe. ;)

Tentei procurar mais uma pérola, um perfil do orkut que era indexado pelo google antigamente, mas não consegui achar nada a respeito. Quem souber de algo disso também, habilite-se.

Não pega mulher? Processe o estado!

Posted on novembro 23rd, 2007 by Rafael R

Estudante que zerou em micareta não será indenizado

Revoltado por não ter conseguido beijar nenhum integrante de uma festa popular promovida pela Prefeitura de Guararapes do Norte ( 230 km de Rio Branco – Acre) no último mês de maio, o estudante universitário J. C. A. ajuizou uma ação judicial bastante inusitada em face daquela Municipalidade.

A referida demanda cuidava-se de um pedido de indenização por danos morais motivado pelo descontentamento do jovem, cujas razões foram colocadas da seguinte forma na exordial: “Após quase dez horas de curtição e bebedeira, não havia conquistado a atenção de sequer uma das muitas jovens que corriam atrás de um trio elétrico, visivelmente transtornadas“. Ainda segundo o autor, que diagnosticou na falta de organização da prefeitura a causa de sua queixa, todos os seus amigos saíram da festa com histórias para contar.

Em sua contestação, a prefeitura de Guararapes do Norte ponderou tratar-se de “Demanda inédita, sem qualquer presunção legal possível“, porque não caberia a ela qualquer responsabilidade no sentido de “Aliciar membros da festividade para a prática de atos lascivos, tanto mais por se tratar de comemoração de caráter familiar, na qual, se houve casos de envolvimento sexual entre os integrantes, estes ocorreram nas penumbras das ladeiras e nas encostas de casarões abandonados, quando não dentro dos mesmos, mas sempre às escondidas

Entretanto, apesar da aparente inconsistência da demanda judicial por seus próprios méritos, a ação ainda ganhou força antes de virar objeto de chacota dos moradores da cidade, em virtude do teor da réplica apresentada pelo autor, que contou com um parecer desenvolvido pelo doutrinador local Juvêncio de Farias, asseverando que “Sendo objetiva a responsabilidade do Estado, mesmo que este não pudesse interferir na lascívia dos que festejavam, o estudante jamais poderia ter saído tão amuado de um evento público

Ao autor da demanda, no entanto, como resultado de uma “aventura jurídica” que já entrou para o folclore daquela municipalidade, não restaram apenas consequências nocivas. Afinal, em que pese a sentença que deu cabo ao processo ter julgado a demanda totalmente improcedente, o estudante se saiu vitorioso após ter arranjado como namorada uma funcionária do setor de aconselhamento psicológico do município, que passou a freqüentar por indicação do próprio magistrado responsável pelo encaminhamento da lide.
Segundo a própria Municipalidade, tal acontecimento afetivo ocorreu sem nenhuma participação do Estado.

Fonte: “Gazeta Jurídica de Piracema Branca do Norte”
Novembro, 2007

Fonte: Comunistas caricatos – Orkut

Imagina se a moda pega? Culpar o estado pela falta de pegação na balada. Aonde estão as safadinhas da micareta, que num momento de descuido total, deixaram que o rapazinho passasse batido? Onde estão as piadas prontas desse país, que cada dia me surpreende mais? Onde estará Josias, o ermitão? Onde diabos está o Acre, que alguns dizem existir mas ninguém nunca viu? Onde estará a fonte online, que me faz crer que de tão chacota pode e deve ser criação de Antonio Tabet (Kibeloco), devido a formatação precisa e disciplinada? ;)